Sônia, a treinadora com mais de 1 mil atletas

Professora de educação físcia coleciona mais de 10 títulos em jogos escolares. Competição começou nesta terça-feira (11)
Compartilhamentos

Por RODRIGO INDINHO

A cada dia que passa, as mulheres vão mostrando o seu talento e ocupando espaço nas mais diversas áreas da sociedade. No futebol, além de jogadoras habilidosas é possível encontrar também treinadoras tão capacitadas quanto os homens. É o caso de Sônia Soares, de 57 anos, técnica do time masculino da categoria de 15 a 17 anos da Escola Estadual Sebastiana Lenir de Almeida. A equipe estreou com vitória nesta terça-feira (11) nos Jogos Escolares Amapaenses 2019.

A treinadora acumula diversos títulos em várias categorias do futsal do Amapá, o que a torna uma referência para jovens atletas. O número de meninos e meninas treinados por Sônia é incalculável, mas ela assegura que o número ultrapassou os 1 mil, já que realiza trabalho com atletas desde 1998.

Com respeito e carinho dos atletas…

 

…a treinadora Sônia Soares forma campeões. Fotos: Rodrigo Indinho

“Para mim é uma satisfação porque quando você trabalha com jovem você ocupa a mente dele evitando que conheça coisas ruins. É gratificante ajudar e orientar, principalmente para que estudem e tirem boas notas”, orgulhou-se.

Na quadra, durante a partida, Sônia também orienta seus atletas a manterem um espirito esportista. Durante a marcação de uma falta ela recomendou: “calma, marcou tá marcado, bora pro jogo”. Ao término da partida, que terminou 5×1 para seu time, ela aconselhou: “vão lá cumprimentar os caras”. A treinadora explicou porque age assim.

“A sabedoria acompanha a gente pelo resto da vida e é preciso respeito em todos os aspectos, quando se perde e se ganha, sempre é um aprendizado”, disse.

Jardiel Santana: professora é como uma mãe

Professora de educação física e pós-graduada em ciência do treinamento desportivo, Sônia já treinou times como Albatroz, Meta Clube e Oratório. Ela tem mais de 10 títulos dos jogos escolares e contou que não sofre preconceito por parte dos homens.

“Não existe preconceito, as pessoas respeitam pois é uma trajetória de muitos anos, e o respeito é recíproco”, finalizou.

O atleta Jardiel Santana, de 17 anos, fala como é ser treinado por Sônia.

“É como se fosse uma mãe, chamamos de ‘mamãe Sônia’. Pega muito no nosso pé sobre alimentação e principalmente sobre estudo, se não tiver boa nota não joga. O trabalho que ela faz é ótimo e agradeço pelos ensinamentos”, revelou.

No primeiro desafio nos jogos, equipe de Sônia Soares venceu por 5×1

Início dos Jogos Escolares em Macapá 2019

Os Jogos Escolares 2019 iniciaram nesta terça-feira (11), com as disputas das modalidades coletivas de futsal, basquete, vôlei e handebol, na categoria de 15 a 17 anos, no masculino e feminino. As partidas correspondem à etapa municipal, que vai até sábado (16).

Teve início nesta terça-feira (11) a edição 2019 dos Jogos Escolares do Amapá

 

Costa Filho (Coel): evento valoriza jovens atletas

Coordenado pela Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), o evento esportivo reúne 39 instituições de ensino da rede pública e privada da capital e distritos da zona rural de Macapá e cerca de 1,2 alunos-atletas.

Além das quadras poliesportivas das Escolas Estaduais Alexandre Vaz Tavares e Deusolina Salles Farias, as competições também ocorrerem na quadra da Universidade Estadual do Amapá (Ueap) e no ginásio do Trem Desportivo Clube.

“O principal objetivo é a valorização desses jovens-atletas. Diversos municípios estão fazendo suas etapas. Após isso vem a etapa estadual, depois etapa regional em Tocantins e a etapa nacional em Blumenau – SC. Com certeza revelaremos novos talentos”, informou Costa Filho, da Coordenadoria de Esporte e Lazer do Amapá (Coel).

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.
error: Conteúdo Protegido!!