Compartilhamentos

MACAPABA CONTRA A REJEIÇÃO

Foto: Asscom GEA

Foto: Asscom GEA

Camilo Capiberibe (PSB) aposta todas as fichas na inauguração do conjunto Macapaba para reduzir sua rejeição. Chamada pelos publicitários do governo de “Cidade Macapaba”, a maior obra do PAC no Estado não sofreu um dia de paralisação, é gigantesca e por isso tem sido exaustivamente explorada em filmes oficiais. O tamanho da obra é realmente impressionante, mas não se sabe até que ponto ela vai ajudar nesse processo de recuperação da popularidade do governador.

CONSIGNAÇÕES

Foto: Rcoelho

Foto: R Coelho Nascimento

Waldez Góes passou parte do domingo reunido com os advogados que cuidam da defesa dele no caso das consignações. O processo é movido pelo Ministério Público do Estado. O MP denunciou Waldez Góes e Pedro Paulo Dias porque durante mais de um ano empréstimos eram descontados do salário dos servidores, mas não eram repassados pelo governo às financeiras, o que causou a inadimplência e negativação de milhares de funcionários públicos. Waldez, que prestou depoimento na semana passada junto com Pedro Paulo, tem dito que não sabia que a equipe de governo tomava essas decisões.

ANDANÇAS

Waldez Góes (PDT), aliás, tem aproveitado a rejeição do atual governador Camilo Capiberibe (PSB) para faturar possíveis votos. Pré-candidato ao governo do Estado, ele dedicou os últimos meses a viagens ao interior do Estado. Visitou todos os municípios, reuniu com lideranças comunitárias e dirigentes municipais do PDT.

O CONSELHO DE LUCAS

O vereador de Macapá Lucas Barreto (PSD), pré-candidato ao governo do Estado, tem aconselhado o deputado federal Davi Alcolumbre (Democratas) a tentar uma cadeira no Senado nas eleições do ano que vem. O deputado federal, de apenas 36 anos, ainda não respondeu se aceita, apesar de ter se entusiasmado com as últimas pesquisas realizadas pelos partidos.

VICE

Barreto, inclusive, não esconde que gostaria de ter como vice uma mulher. O cargo de vice, aliás, é a principal moeda de negociação do PSD na costura por alianças. Até com a ex-deputada federal de Santana, Marcivânia Flexa (PT), Barreto já andou tomando cafezinho. Mas a possibilidade de uma aliança é bem remota.

TELEVISÃO

A partir desta semana, se todos os testes de equipamentos forem bem sucedidos, as sessões da Câmara e Vereadores de Macapá serão transmitidas ao vivo pela televisão. O presidente da Câmara de Vereadores de Macapá, Acácio Favacho (PMDB), fechou parceria com a TV Tucujú, Canal 24. A geração do sinal ficou por conta da produtora Target, do jornalista Olímpio Guarany.

FURADA

A primeira visita da presidente Dilma Roussef ao Amapá já não é mais dada como certa. A possível visita foi anunciada aos quatro cantos pelo senador José Sarney (PMDB-AP) em novembro. A visita estaria confirmada para o dia 12 de dezembro para duas inaugurações: em Oiapoque a ponte binacional, e em Macapá a banda larga. Como na cabeceira brasileira da ponte a estrutura de fiscalização não foi construída e do lado francês a ligação da fibra ótica que vai trazer a banda larga ainda não terminou, pelo menos por enquanto a presidente do Brasil não tem motivos para conhecer o Amapá.

RENÚNCIA

Depois de ter passado cinco dias na penitenciária feminina do Iapen durante a Operação Citrus, a presidente da Associação dos Municípios (Ameap) Euricélia Cardoso tem dito que vai renunciar ao cargo depois do dia 6 de dezembro, quando a Ameap realiza um congresso para jornalistas. Diz estar repensando valores e analisando se os últimos 14 anos de vida pública realmente compensaram. Euricélia diz ter decidido que se dedicar mais à família.

PF NA CIDADE

Muita gente viu a chegada, mas ninguém sabe dizer ainda qual o objetivo dos cerca de 50 policiais federais que desembarcaram em Macapá no fim de semana. A possibilidade de mobilização para um treinamento é praticamente remota e a chance de uma nova operação é gigantesca.

PATO FU EM SERRA DO NAVIO

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O prefeito de Serra do Navio, José Maria (PT), confirmou a vinda da banda mineira Pato Fu. O show será na vila serrana onde nasceu a vocalista do grupo, Fernanda Takai. A atração deve se apresentar durante o Terceiro Encontro de Serranos, entre os dias 13 e 15 de dezembro. Takai era filha de um alto funcionário da Icomi nos anos dourados do manganês.

Compartilhamentos