Compartilhamentos

O pequeno Michel da Silva Lisboa, de 2 anos, que precisa passar por uma cirurgia no olho esquerdo, perfurado por um pedaço de vidro no dia 24 de agosto, já está em São Paulo para o tratamento. Na manhã desta segunda-feira, 8, o menino foi levado à sala de cirurgia para iniciar os procedimentos de reconstrução do globo ocular. Porém, uma alteração no coração da criança fez com que o procedimento fosse interrompido.

Segundo, Jéssica da Silva, mãe do garoto, agora os médicos vão fazer uma nova avaliação. “Os médicos precisam fazer novos exames para saber o que pode ter causado essa complicação. Só depois dos resultados dos exames é que os médicos vão poder remarcar o procedimento”, explicou Jéssica.

O pequeno Michel chegou a São Paulo no dia 2 de dezembro para passar por uma série de consultas e exames na tentativa de recuperar a visão que foi completamente comprometida no acidente. A viagem só foi possível com a realização de brechós que arrecadaram o dinheiro necessário. “Passamos pela primeira etapa que era a viagem. Agora estamos buscando o tratamento na rede pública mesmo”, acrescentou a mãe de Michel.

Procedimento:

Michel precisa fazer a reconstrução da pálpebra e da córnea para poder enxergar novamente. O médico que indicou o tratamento fora do Amapá, disse que até os oito anos de idade o menino terá que usar três próteses. A primeira tem que ser implantada logo. Contudo, como a córnea de uma criança fica em constante mudança, aos cinco anos será necessária outra prótese, que deve ser substituída aos oito anos para garantir o sucesso no tratamento.

Compartilhamentos