Compartilhamentos

De Oiapoque, HUMBERTO BAÍA

Estudantes do campus binacional da Universidade Federal do Amapá (Unifap), em Oiapoque, realizaram neste fim de semana a II Virada Cultural. Nesta edição, a coordenação do evento trouxe para a virada as comunidades tradicionais e quilombolas.

“Nosso objetivo é inserir assim comunidades na universidade, e mostrar o setor produtivo dessas comunidades, tanto artísticas com artesanais”, explicou Dinaldo Barbosa, coordenador do evento.

Durante a virada, também foram realizados atendimentos médico e jurídico, além de exposições de livros. Também houve palestras com representantes da Polícia Rodoviária Federal e com a ONG Irmãos da Fronteira, grupo que reivindica melhorias em Oiapoque.

Palestras com representantes da PRF. Fotos: Humberto Baía

Atendimento médico também foi realizado com orientação jurídica

As atividades da virada também aconteceram fora dos muros da universidade, com apresentações de grupos de dança e de grupos teatrais. Várias aldeias da região também mandaram representantes, e ofereceram oficinas de adereços indígenas.

Compartilhamentos