Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

A Polícia Federal no Amapá prendeu, na manhã desta segunda-feira (4), uma mulher acusada de usar documentos falsos para conseguir uma aposentadoria. A PF não informou ainda se o benefício chegou a ser concedido. 

A acusada não teve o nome divulgado, e foi presa na Operação “Meia Tinta”, deflagrada para o cumprimento de um mandado de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva, no Bairro Infraero II, na zona norte de Macapá.

A mulher teria utilizado os documentos falsos para pedir a aposentadoria rural por idade no Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), por meio de uma ação na Justiça Federal, em 2015.

Agentes cumprem mandado de busca e apreensão no Bairro Infraero. Fotos: PF/Comunicação Social

A acusada foi presa e levada para a sede da Superintendência da Polícia Federal, na Rodovia Norte-Sul. Ela vai responder pelos crimes de tentativa de estelionato, falsificação de documento público e falsidade ideológica.

Compartilhamentos