Compartilhamentos

por SELES NAFES

O deputado federal Roberto Góes (PDT-AP) decidiu não colocar mais o nome à disposição para uma candidatura ao Senado, em 2018. Segundo ele, a prioridade do PDT é a reeleição do governador Waldez Góes.

Lideranças do partido vinham fomentando a candidatura de Roberto para uma das duas vagas ao Senado. Numa conversa com o próprio Waldez, há poucos dias, o governador manifestou seu interesse de disputar um novo mandato, o 4º a frente do Executivo do Amapá.

“Ele ainda deve anunciar a intenção dele de se candidatar à reeleição, mas não sei quando vai ser isso. Por enquanto, ele está focado em administrar o Estado e entregar algumas obras importantes que estão avançando”, comentou o parlamentar ao portal SELESNAFES.COM.

A desistência de Roberto Góes deixa o PDT mais à vontade para fazer composições com outros partidos visando a vaga do Senado e a vaga de vice, que hoje é ocupada pelo médico Papaléo Paes, atualmente sem partido político. 

Waldez: agenda positiva pode ajudar a recuperar desgaste da imagem do governo. Foto: André Silva

Rejeição

Roberto Góes acredita que Waldez vem conseguindo reverter o desgaste dos primeiros anos do atual mandato, e reduzindo a rejeição. O desgaste da imagem do governo foi causado, principalmente, pela crise econômica, o fim dos contratos da vigilância nas escolas e o parcelamento de salários do funcionalismo.

Contudo, o governo tem mantido agendas positivas. Concluiu obras como a Ponte do Matapi e a Clínica de Nefrologia de Santana, duas demandas que tinham sérios problemas e ficaram paralisadas durante anos. 

“Acredito que ele deva resolver essa questão do parcelamento do funcionalismo logo. Ele está trabalhando muito. Está realizando concursos públicos e vai entregar obras como a Maternidade da Zona Norte, agora em agosto, além da UPA da Zona Sul. Tem o asfaltamento da BR-156 no trecho Sul e a licitação das arenas de grama sintéticas nos bairros, entre outras obras. Tem muita coisa que vai acontecer”, concluiu.

12 de dezembro de 2016: Waldez cumprimenta moradores de Mazagão na inauguração da Ponte do Matapi. Foto: Seles Nafes

Compartilhamentos