Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Uma comissão de representantes da Associação Amapaense de Apoio a Pacientes em Tratamento Fora de Domicílio (AAPTFD) foi recebida pelo governador do Estado, Waldez Góes, no Palácio do Setentrião para tratar das demandas do segmento.

O encontro ocorreu na tarde de terça-feira (15) e pautou a regularidade na emissão de passagens e a possibilidade de aumento no valor das diárias dos pacientes. Atualmente, a ajuda de custo ofertada está em R$ 24 por dia.

De acordo com o governador, o reajuste seria feito com recursos do Tesouro Estadual. A medida está sendo estudada pelo Executivo para ser complementada na Lei Orçamentária Anual (LOA) 2018.

Sobre o atraso na emissão de passagens, Waldez Góes explicou que foi autorizado pela Justiça do Estado na semana passada o prosseguimento do processo licitatório para contratação de uma nova agência de viagens. Mesmo com o pagamento em dia, a atual empresa é alvo de reclamações contantes.

“É lamentável esse tipo de transtorno, mas o Estado tem cumprido rigorosamente com suas obrigações, quem tem falhado na relação contratual é a empresa”, explicou o governador.

TFD entre 2016 e 2017

Em 2016, o governo do Estado custeou R$ 10,2 milhões em passagem e cerca de R$ 2,5 milhões em auxílio e complementação financeira para pacientes e acompanhantes. Ao todo, 2,1 mil pacientes foram atendidos pelo programa em 2016. Atualmente, o TFD inclui 29 especialidades como oftalmologia, oncologia, endocrinologia, hematologia, entre outras.

O programa atende 10 mil pessoas no Amapá e mensalmente mil pacientes e acompanhantes precisam viajar em tratamento para fora do Estado.

Foto de capa: Marcelo Loureiro (Secom)

Compartilhamentos