População acredita em mais segurança com construção de hospital

Terreno onde será construída unidade servia para esconderijo de bandidos.
Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Os moradores do bairro Infraero II, com casa próximo ao terreno na rodovia norte sul, zona norte de Macapá, onde será construída uma Unidade de Prevenção do Câncer do Hospital de Barretos, de São Paulo, dizem que obra pode trazer mais segurança para o local conhecido por vários crimes. As máquinas começaram a limpar a área de três hectares onde o hospital será construído, na sexta-feira (9).

O final da Rua Terezina com a Avenida Maria Cavalcante de Azevedo Picanço já serviu várias vezes como rota de fuga para delinquentes que praticam crimes no bairro e encontram na escuridão do local o esconderijo perfeito.

Terreno começou a ser limpo na sexta-feira Foto: André Silva

Segundo relatos de moradores, foi no local que o entregador de pizza Elias Pereira, de 29 anos, brutalmente assassinado em 2016, foi pego em uma armadilha. Ele foi responder a um pedido e quando chegou ao local foi surpreendido pelos bandidos.

O local também foi palco de uma grande invasão naquele mesmo ano e até hoje é usado como lixeira pública por moradores de perto, e de longe também.

“Esse hospital vem contribuir para que esse abandono que se encontra a rodovia, acabe. Vai melhorar não só o quesito de saúde, mas o de segurança também. Aqui já teve vários tipos de crimes, mortes em decorrência de assaltos para tomarem moto e, sem falar na lixeira viciada”, falou o autônomo Eliseu Almeida, de 38 anos.

Moradores Eliseu Almeida e Raimundo Vilhena comemoram construção Foto: André Silva

Raimundo Vilhena dos Santos, de 58 anos, disse que mora no bairro há 20 anos; no trecho, ele está há mais de um ano, e conta que já foi assaltado dentro da própria casa. 

“Esse monte de mato e esse paredão [muro da Infraero] deixavam eles à vontade para roubar. Agora está melhorando. Eles estão limpando tudo e a gente já começa se sentir mais seguro”, relatou o morador. 

A previsão é de que a Unidade Fixa de Prevenção e Diagnóstico do Hospital do Câncer de Barretos (HCB) esteja pronta e equipada em 12 meses. O terreno fica próximo ao Ministério do Trabalho e da Justiça Federal.

Deixe seu comentário
Compartilhamentos
Insira suas palavras de pesquisa e pressione Enter.