Compartilhamentos

O mistério sobre o desaparecimento do idoso Mário Ivo Sampaio pode estar próximo do fim. Na manhã desta quinta-feira, 30, a Polícia Civil divulgou a foto de Josinei Ferreira Miranda, o “Cabeça”, suspeito de participar do sumiço do idoso de 82 anos. O pai do empresário Assunção Portela, famoso na capital por possuir uma rede de lojas de acessórios para veículos, está desaparecido desde a última segunda-feira, 27. A polícia trabalha no caso com a esperança de ainda encontrar o idoso com vida.

Delegados do caso tentam entender porque criminosos agiram de forma estranha. Polícia ainda acredita que idoso pode estar vivo.

Delegados do caso tentam entender porque criminosos agiram de forma estranha. Polícia ainda acredita que idoso pode estar vivo.

 

O suspeito Josinei Ferreira Miranda, de 28 anos, já tem passagem pela polícia por furto. Na noite de quarta-feira, 29, a 2ª Delegacia de Polícia Civil conseguiu um mandado de prisão contra o acusado. A polícia não descarta a hipótese de o suspeito ainda estar com o idoso vivo, apesar de ainda não ter feito contato. “Trabalhamos com todas as teses, inclusive de que o foragido esteja com o senhor Mário Ivo. Ontem tivemos várias denúncias da localização do corpo do idoso, e todas foram descartadas. Mesmo com os vestígios de sangue no carro, ainda o procuramos com vida”, afirma o delegado João Neto, que conduz a investigações desde o início do caso.

Cabeça foi identificado por testemunhas. A adolescente foi filmada por câmeras de segurança de residências

Cabeça foi identificado por testemunhas. A adolescente foi filmada por câmeras de segurança de residências

 

A mulher loira que deixou o carro na lavagem onde o veículo foi encontrado na terça-feira, 28, e que também foi vista perto da casa da vítima, no Infraero II, já foi identificada, e é na verdade uma adolescente de apenas 14 anos. De acordo com a polícia, ela teria sido usada como isca. A Delegacia Especializada em Investigação de Atos Infracionais (DEIAI) já cuida do caso da menor que também está foragida. A justiça também expediu um mandado de apreensão contra ela.

 

A polícia tem várias pistas do desaparecimento, mas garante que o caso é complexo. Existem procedimentos que os criminosos adotaram que não seguem uma lógica. “O desaparecimento do idoso e dos acusados sem nenhum contato, o fato de o carro ser deixado em uma lavagem para apagar os vestígios do possível crime, e, principalmente o fato de o bandido não ter roubado nada de valor da casa da vítima e nem feito ameaças ao empresário”, analisa o delegado Celso Pacheco, que também trabalha no inquérito.

 

A Delegacia não descarta a possibilidade de que as denúncias do corpo do idoso feitas ontem podem ser para complicar a investigação.

 

Compartilhamentos