Compartilhamentos

A Confraria Tucuju está fora da festa de aniversário da cidade de Macapá, que completa 257 anos no próximo dia 4 de fevereiro. A entidade, que tinha pedido R$ 250 mil para realizar a programação, recebeu o aceno de R$ 130 mil, e desistiu do evento. Uma possível parceria entre prefeitura e governo pode resultar numa nova festa.

Nos últimos anos a festa vinha sendo organizada pela confraria sempre com recurso oficial. A entidade tinha elaborado uma extensa programação para 2015, que incluía shows musicais, almoço com os pioneiros, corte do bolo, entre outras atividades.

O governo do Estado, no entanto, concordou em repassar R$ 80 mil. A prefeitura da capital se comprometeu com R$ 50 mil. Somando os dois repasses, o valor fica próximo do orçamento da festa do ano passado, que fechou em R$ 150 mil. Mesmo assim a confraria recusou as ofertas.

Agora a prefeitura e o governo podem firmar parceria para realizar juntos a programação. A prefeitura já tinha decidido realizar alguns eventos no dia 4, como a tradicional pescaria na Praça Floriano Peixoto e o lançamento de 4 livros que homenageiam grandes compositores do Amapá, como Nonato Leal e Mestre Oscar Santos.

Uma reunião na tarde desta terça-feira, 20, entre representantes do governo do estado e da prefeitura, pode selar a parceria e ampliar a programação.

Compartilhamentos