Compartilhamentos

Um carro de passeio colidiu de frente na manhã deste domingo, 7, com um caminhão de serviços da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA). O motorista do caminhão, que não ficou ferido, disse que o condutor parecia estar em convulsão no que parecia ser um ataque epilético.
O acidente aconteceu por volta das 9h30min, na Rodovia Duca Serra, em frente ao clube do Exército. No trecho haviam cinco equipes da companhia realizando manutenção na rede, num perímetro de cerca de 400 metros. A área de atuação das equipes estava demarcada com cones.

"Veio direto", disse o motorista do caminhão

“Veio direto”, disse o motorista do caminhão. Fotos: Seles Nafes

O Siena, conduzido por Cosmo Moraes Santiago, trafegava no sentido Santana/Macapá quando bateu de frente com o caminhão. Funcionários da empresa contratada pela CEA disseram que ele nem chegou a frear.
“Eu estava dentro do caminhão operando a cesta com um rapaz que ia instalar uma cruzeta no poste quando ouvi o impacto. Ele nem freou. Veio direto”, relatou o motorista do caminhão, José Figueiredo Coelho.

Caminhão e um dos cinco da CEA que faziam serviços na rede ao longo da rodovia

Caminhão e um dos cinco da CEA que faziam serviços na rede ao longo da rodovia

Coelho disse que desceu do veículo para ver o que havia acontecido e encontrou o motorista se debatendo como se estivesse num ataque epilético. Parentes da vítima que estiveram no local não quiseram comentar o assunto.
A equipe da CEA pediu ajuda pelo 190 e uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) conduziu Cosmo Santiago até o Hospital de Emergência de Macapá, onde ele chegou com um corte no rosto. Aparentemente o ferimento não era grave.
O Batalhão de Policiamento Rodoviário (BPRE) atendeu a ocorrência e acionou a Polícia Técnica para fazer a perícia. 

Compartilhamentos