Compartilhamentos

As obras do Trapiche Eliezer Levy, um dos principais pontos turísticos da orla de Macapá, têm a entrega prevista para a segunda quinzena de outubro. Segundo a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinf), o novo espaço terá instalações acessíveis, internet  gratuita e o funcionamento regular do bondinho.

As obras da reforma e manutenção do Trapiche Eliezer estão concentrados na substituição da estrutura em madeira, manutenção da estrutura de ferro, rede elétrica e iluminação. O ponto turístico está fechado desde abril, quando técnicos do Corpo de Bombeiros recomendaram a interdição do espaço. A obra custará em R$ 1 milhão e será entregue dentro do prazo, segundo a Seinf.

As obras estão em andamento e serão concluídas em outubro

As obras estão em andamento e serão concluídas em outubro

“Fizemos uma licitação emergencial para atender esse ponto turístico que não passava por reforma desde 2010. Vale ressaltar, que não é apenas uma reforma, mas um trabalho de revitalização que trará mais segurança e conforto aos visitantes”, frisou o secretário de Infraestrutura, André Rocha.

Trapiche

Barcos atracados no trapiche nos anos 60. Foto: portaretrato.blogspot.com

Barcos atracados no trapiche nos anos 60. Foto: portaretrato.blogspot.com

 

O Trapiche Eliezer Levy foi construído em 1938 pelo então prefeito Eliezer Levy, com verbas vindas do governo do Estado do Pará. A obra foi submetida à Marinha Brasileira, que a inviabilizou em razão da frente de Macapá ser bastante rasa para atracadouro de embarcações

Desrespeitando a orientação da Marinha, o interventor resolveu autorizar a construção do trapiche, que ficou construído em madeira até 1998, quando sua estrutura foi substituída por uma em concreto, com a disposição de um bondinho para transportar turistas do início até o fim, onde tem uma estrutura de restaurante.

Compartilhamentos