Compartilhamentos

Uma operação conjunta do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Bope e Polícia Rodoviária Federal terminou com a prisão nesta terça-feira, 1º, de mais um suspeito de participação no assassinado de uma senhora de 60 anos no município de Porto Grande, a 105 quilômetros de Macapá. Gillian Jesus Ribeiro estava escondido em uma casa ainda em Porto Grande.

Segundo a polícia, ele estava com a arma usada no crime. Gillian tem condenação por tráfico de drogas e roubo.

A polícia recuperou mais de R$ 6 mil

A polícia recuperou mais de R$ 6 mil. Foto: DPI

“Ele estava escondido em Porto Grande esperando a poeira baixar. Soubemos que estava vindo pra Macapá num Gol branco, e por volta das 13 horas acabou sendo preso pela Polícia Rodoviária Federal após repassarmos os informes necessários”, explicou um policial civil que trabalha na investigação.

Maria Emília, de 60 anos, foi morta com um tiro na cabeça no último dia 27. A filha dela tinha sido presa horas antes com mais 15 pessoas por poluição sonora.

No momento da condução para a delegacia, policiais encontraram na bolsa dela cerca de R$ 12 mil referentes à venda de uma casa. A filha foi aconselhada a não guardar o valor em casa, mas não obedeceu. A noite bandidos invadiram a casa e acabaram matando a mãe dela que flagrou um dos criminosos dentro da residência.

No dia seguinte, as polícias Civil e Militar prenderam 7 pessoas e apreenderam uma menor de 17 anos grávida. Cinco pessoas foram indiciadas pelo crime. Mais de R$ 6 mil foram recuperados. Com a prisão de Gillian, a polícia considera o carro encerrado.

Compartilhamentos