Compartilhamentos

Funcionários da empresa Sião Thur viveram momentos de terror na noite da última terça-feira, 15, quando dois homens armados invadiram um ônibus no município de Santana e incendiaram o veículo. Um deles é ex-funcionário da empresa.

A invasão ocorreu por volta das 21h30min, na Rua Manoel Pereira da Rocha, no terminal rodoviário do Bairro Nova Brasília. Segundo testemunhas, a dupla invadiu o veículo com uma garrafa plástica pequena contendo gasolina.

O motorista e o cobrador estavam no terminal conversando quando perceberam a invasão.

“Quando vi eles entrando fui no rumo deles e disse pra saírem, mas o que estava na porta sacou uma arma pra mim e me afastei”, explicou o motorista.

O ônibus ficou completamente destruído por dentro. Foto: Jair Zemberg

O ônibus ficou completamente destruído por dentro. Foto: Jair Zemberg

A dupla fugiu em um carro. Uma equipe do Corpo de Bombeiros chegou rapidamente, e em 20 minutos apagou as chamas que já tinham destruído completamente o veículo.

Trinta minutos depois, uma equipe do Batalhão de Rádio Patrulhamento Motorizado (BRPM) prendeu Marcelo Augusto Costa da Silva, de 27 anos, o Cabeça de Ovo, e Leandro da Silva Correa, de 18 anos. 

Marcelo, ou Cabeça de Ovo, tem uma extensa ficha policial, e teria sido demitido da Sião Thur recentemente depois que um policial teria revelado ao proprietário o passado de crimes do então funcionário. Na segunda-feira, 14, de acordo com a PM, o ex-funcionário teria tentado matar a tiros o policial que repassou as informações ao empresário. 

Marcelo e Leandro foram levados para a 1ª Delegacia de Polícia de Santana, e apesar de negarem o crime eles foram reconhecidos pelo motorista e o cobrador.

Compartilhamentos