Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Moradores do bairro Araxá, zona sul de Macapá, dizem que estão aliviados com a retomada da obra do muro de arrimo na orla. A construção estava paralisada havia dois anos. Muitas pessoas perderam casas na região por causa da força da maré, que avança mais a cada ano.

A autônoma Delma Almeida, de 50 anos, mora no local há 20. Ela diz que sentia muito medo que a casa onde vive fosse destruída. Segundo a moradora, na alta da maré, as ondas quebravam em baixo do imóvel onde moram ela e o filho.

“A gente fica aliviada. Várias casas já tiveram que ser recuadas por causa da maré”, disse a autônoma.

Moradora Delma Almeida diz que tinha medo de perder a casa Foto: André Silva

A erosão atinge a orla do Araxá há bastante tempo. Para conter o avanço do rio, está sendo construído cerca de um quilometro de barreira de concreto e ferro na orla.

Segundo a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinf), as obras foram retomadas há uma semana.

Muro de arrimo cerca orla de Macapá Foto: André Silva

A instituição informou que os trabalhos de escavações vão acontecer de acordo com a maré:  quando baixa, acontecerão as escavações, e, quando alta, os trabalhos serão concentrados na confecção das estruturas de concreto para o muro.

A obra está custando ao governo do estado, R$ 13 milhões. A previsão é de que o muro de arrimo fique pronto até o fim de 2018.

Compartilhamentos