Compartilhamentos

Um homem morreu no final da manhã desta quinta-feira, 26, dentro da área da Universidade Federal do Amapá (Unifap). Segundo operários que trabalham em uma obra no Campus Universitário, a vítima saiu cambaleando de dentro da mata. Ele estava ferido e pálido. Patrick, como foi identificado pela namorada, Jucicleia Costa, morreu após levar uma facada no lado direito do peito. Ele tinha 26 anos.

Morte Unifap (2)

No primeiro momento a polícia acreditava que era um caso de latrocínio, roubo seguido morte. Mas os peritos da Politec encontraram dentro da bermuda do rapaz duas trouxas de crack. Jucicleia Costa confirmou que Patrick já cumpriu pena por tráfico de drogas no Iapen, e que estava em liberdade há menos de um mês. “Hoje pela manhã ele me disse que vinha cobrar um dinheiro aqui no bairro universidade, e saiu em uma moto. Foi a última vez que falei com ele. Depois disso, fui informada por telefone pelos policiais o que tinha acontecido”, contou Jucicleia.

Jucicleia Costa

Jucicleia Costa

Segundo o sargento da Polícia Militar, Roberto Ciro, que chegou primeiro ao local, a hipótese é que tenha sido um acerto de contas, devido o envolvimento dele com tráfico de drogas. “Quando chegamos, os operários contaram que ele veio cambaleando de dentro da mata e caiu aqui. Eles pensavam que era uma pessoa bêbada, mas logo depois constataram que o rapaz já estava morto”, explicou o sargento.

Morte Unifap (1)

Os peritos da Politec ainda estão investigando o caso, mas acreditam que Patrick se envolveu em uma briga fora da área da Unifap e se refugiou na mata que fica dentro do Campus Universitário. A moto que Patrick estava não foi encontrada. Na bermuda do rapaz ainda foram encontrados R$ 38,00 e alguns comprimidos. O corpo, que foi recolhido pela Politec.

Compartilhamentos