Compartilhamentos

Uma obra embargada há cerca de quatro anos virou a diversão da garotada do Bairro Jesus de Nazaré. Mas isso não tem nada de engraçado, especialmente para os moradores que temem pelos casos de dengue. No local deveria ser construído um edifício, mas a cratera onde seriam as fundações do prédio virou uma grande lagoa.

O problema localizado na Avenida Leopoldo Machado, com a Avenida José Tupinambá, foi denunciado aqui no Site SelesNafes.Com em junho de 2014, mas quase um ano depois nada foi feito.

Na ocasião, uma vizinha do “piscinão”, Bárbara Faleiro, denunciou os problemas encontrados pelos moradores do entorno.

“Nós sofremos todos os inconvenientes, mosquitos, baratas, ratos e caramujos. Isso aumentou muito nos últimos meses, e mesmo assim nada foi feito”, contou.

Vizinhança teme que a água parada seja o criadouro perfeito para mosquitos

Vizinhança teme que a água parada seja o criadouro perfeito para mosquitos

Agora a Secretaria municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Semduh) afirma que vai agir. “Pelos nossos documentos o local foi interditado porque as obras estavam irregulares. E agora vamos uma providência dos proprietários”, garantiu o diretor de fiscalização da secretaria, Eldo Costa. Será o fim do piscinão?

Reportagem: Anderson Calandrini

Compartilhamentos