Compartilhamentos

Um grupo de professores em greve há quase 1 mês invadiu o prédio da prefeitura de Macapá e traçou com cadeado os portões da área externa. Ninguém entra, e ninguém sai da prefeitura, a não ser o prefeito de Macapá Clécio Luis (Psol). Neste momento a Polícia Militar e a Guarda Municipal estão no local apenas acompanhando a movimentação.

Um dos portões trancado com cadeado pelos manifestantes. Fotos: Cássia LIma

Um dos portões trancado com cadeado pelos manifestantes. Fotos: Cássia LIma

Os manifestantes se recusam a continuar negociando com o secretário de Administração, Carlos Michel, que saiu vaiado agora há pouco depois de ter sido impedido de entrar no prédio para trabalhar. (foto de capa)

A invasão aconteceu à noite, sem que as equipes da Guarda Municipal pudessem impedir.  O portão principal foi trancado com um cadeado. O mesmo aconteceu nos portões laterais que dão acesso à Rua Odilardo Silva e ao prédio da Câmara de Vereadores. 

Um dos portões trancado com cadeado pelos manifestantes

Um dos portões trancado com cadeado pelos manifestantes

Compartilhamentos