Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Três mortes foram registradas no final da noite de sábado e madrugada desse domingo, 31, em Macapá. Os casos aconteceram nos bairros Amazonas e Brasil Novo, ambos na Zona Norte da cidade. Em ambos os casos, a polícia não conseguiu prender os envolvidos.

De acordo com informações policiais, dois elementos em uma motocicleta de cor vermelha teriam efetuado sete tiros contra Claudio dos Santos Gonçalves, de 39 anos, que estava em sua casa, no Bairro Brasil Novo. A vítima morreu no local. Os disparos também acertaram um amigo da vítima, Jefferson Sid Duarte, de 21 anos. O tiro acertou o pé de Jefferson.

Claudio, morto com sete tiros

Claudio dos Santos Cavalcante tinha passagem pela polícia por furtos e tráfico de drogas

“Claudio era conhecido por diversos delitos como furtos e tráfico de drogas. Possivelmente o caso pode ter sido um acerto de contas. Os cartuchos recolhidos pela perícia dão conta de que a arma utilizada foi uma pistola ponto 40, de uso restrito, o que causa surpresa”, comentou o tenente Adalvo Abreu, do 2º BPM.

Polícia acredita ter sido uma

Claudio teria sido morto em provável acerto de contas, diz a polícia

Por volta das 22h do sábado, 30, dois homens foram alvejados por vários tiros. O caso aconteceu no Bairro Amazonas. Segundo a polícia, dois homens em uma motocicleta teriam efetuado os disparos. Lailton Silva Cavalcante, de 22 anos, e outra vítima não identificada, foram levadas para o Hospital de Emergências, mas não resistiram aos ferimentos. A polícia acredita que o caso se trata de uma execução.

Vítimas foram levadas ao HE, mas não resistiram aos ferimentos

Vítimas foram levadas ao HE, mas não resistiram aos ferimentos

“Após praticarem o crime, eles teriam retornado ao local para se certificar de que as vítimas estariam mortas. Ninguém soube identificar as pessoas que efetuaram os disparos”, disse o tenente Adalvo Abreu.

Compartilhamentos