Compartilhamentos

DA REDAÇÃO

Uma equipe de mergulho do Corpo de Bombeiros do Amapá conseguiu resgatar o corpo da estudante Thais da Silva Moraes, de 10 anos, na localidade de Maracá, município de Mazagão. A garota estava desaparecida havia quase 24h. 

A localidade fica a 135 quilômetros de Macapá. A menina desapareceu no rio quando brincava com as irmãs por volta das 17h da última segunda-feira, 19. O pai informou que a menina ainda não sabia nadar.

Uma equipe do 4º Grupamento do CBM, composta pelos tenentes Arel, Davidson, R. Marquês e subtenente Ricardo, conseguiu localizar o corpo da criança por volta das 9h50min da terça-feira, 20, depois de apenas 10 minutos de buscas.

Do tronco para acima só havia o esqueleto da menina.

“Acreditamos que ela tenha se afogado, e como o local tem muitas piranhas acabou sendo consumido”, comentou o tenente D. Alves, da Divisão de Comunicação Social do CBM.

Não há registros de mortes no Amapá causados por ataques de piranhas, mas o peixe está presente em grandes populações nos rios Araguari e Maracá, onde ocorreu o acidente com a menina. 

Compartilhamentos