Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Uma parceria entre França e Brasil vai permitir a instalação de um centro de apoio para pessoas que vivem com HIV no município de Oiapoque, a 600 quilômetros de Macapá. A construção do espaço será financiado pelo Fundo Europeu.

O acordo foi assinado na décima reunião da Comissão Mista de Cooperação Transfronteiriça que aconteceu na cidade Saint George, na Guiana Francesa, nos dias 6 e 7 de dezembro.

Governador do Amapá, Waldez Góes, participou do encontro transfronteiriço que definiu vários acordos de cooperação entre estado e Guiana Francesa. Foto: Marcelo Loureiro (Secom)

Governador do Amapá, Waldez Góes, participou do encontro transfronteiriço que definiu vários acordos de cooperação entre estado e Guiana Francesa. Foto: Marcelo Loureiro (Secom)

O acordo supre a demanda de atendimentos para pessoas que vivem com o vírus no Oiapoque, fronteira com a Guiana Francesa. O Amapá ficou responsável por fornecer os profissionais de saúde e a Guiana Francesa entra com palestras de conscientização quanto à prevenção, busca ativa desses pacientes, terapia, e construção do centro.

“Foi uma grande conquista para o Amapá”, comentou Sílvia Maués, chefe da Divisão Epidemiológica do Amapá.

Enquanto o centro não é construído, uma casa será alugada para que o projeto seja implantado até o início de janeiro de 2017.

De 2007, até novembro deste ano, foram notificados 76 casos do vírus em Oiapoque, 8 somente este ano. Os dados são do Sistema de Informação de Agravos e Notificações (Sinan), do Ministério da Saúde.⁠⁠⁠⁠

Compartilhamentos