Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Após a tentativa fracassada de roubar o celular de uma mulher na noite de quarta-feira, 15,no Centro de Macapá, Erinaldo Paraizo da Conceição, 29 anos, afirmou que cometeu o delito porque estava sem dinheiro e que pretendia comprar roupas.

O homem disse que está desempregado no momento, mas que já trabalhou como gari, coletor de lixo e operador de máquina de roçadeira.

Erinaldo Paraizo abordou vítima no Centro. Fotos: Olho de Boto

Erinaldo Paraizo abordou vítima no Centro. Fotos: Olho de Boto

Erinaldo Paraizo abordou uma mulher por volta de 20h da quarta, na Rua Odilardo Silva com Av. Presidente Vargas. Ele roubou um celular da vítima simulando estar com arma de fogo. Porém, não foi encontrado nenhum tipo de arma com o mesmo. O infrator foi seguido por populares e detido no local.

Ao chegar no local do crime, uma equipe do 6°Batalhão da Polícia Militar (6ºBPM) prendeu o homem e o encaminhou, junto com a vítima, uma testemunha e o produto do roubo para o Ciosp do Pacoval.

Compartilhamentos