Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Um grupo de adolescentes que se reúne depois da aula em uma praça pública de Macapá, consome drogas sem medo de ser incomodado. A cena acontece quase todos os dias na Praça da Caixa D’água, no Bairro Buritizal, zona sul de Macapá. Pessoas que frequentam e trabalham no local dizem sentir medo, e os pais pensam duas vezes antes de levar os filhos para brincar na área.

O portal SELESNAFES.COM recebeu a denúncia de um morador próximo do local que diz testemunhar a cena quase todos os dias. A identidade dele será mantida em sigilo.

Uma cena que se repete todos os dias. Fotos: André Silva

Na última sexta-feira (28), a reportagem foi ao local e constatou a denúncia. Nove adolescentes, na companhia de uma décima pessoa que parece ser maior de idade, consomem maconha a céu aberto e sem medo de serem interrompidos. Eles usam uniformes de diferentes escolas. 

Em alguns momentos, o rapaz que aparenta ser maior idade (com uma camisa azul), desaparece. E quando retorna os estudantes começam a fumar.

“Todos os dias é isso. Já cheguei a ser assaltado enquanto lanchava com uma amiga aqui. O que queremos é que a polícia seja mais presente neste local”, protestou o morador.

Alunos com uniformes de várias escolas se encontram na praça para fumar maconha

Um pequeno empreendedor do local, que também não quis que sua identidade fosse revelada, disse que se sente muito inseguro. Ele está pensando em fechar o negócio.

“Já fui assaltado três vezes pelos mesmos criminosos. Com certeza a escuridão que faz aqui até facilita a ação dos bandidos. É muito triste chegar em casa sem nada no bolso depois de um dia de trabalho”, lamentou o comerciante.

O Conselho Tutelar da Zona Sul disse que já havia recebido a denúncia e que está planejando ações para identificar os adolescentes que aparecem envolvidos no caso.

Compartilhamentos