Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

A Trina, primeira cervejaria artesanal do Amapá foi inaugurada em julho com um grande evento cultual. A proposta do My Growler Station integra cervejaria artesanal, fábrica e estação de abastecimento no mesmo local. Mas também há um cantinho especial para degustação. A bebida tem um preparo diferente e possui sabores amapaenses.

A Trina inaugurou o novo espaço na Rua Jovino Dinoá, número 4404, no Araxá. Logo na entrada se vê uma estação de abastecimento de bebidas nos moldes europeus, que lembram muito cervejarias alemãs e russas. Assista:

“A nossa proposta é trazer um espaço com tecnologia e armazenamento europeu mesmo. Além de ser mais econômico, é ideal para o armazenamento da bebida que fica na temperatura de 2 graus celsius”, explicou o empresário Marcelo Fiel.

Para os amantes de cerveja são ofertados nove rótulos, sendo elas:

Trina, estilo Weiss, que é uma cerveja à base de trigo.

Marabaixo, estilo Witbier, cerveja de trigo temperada, que possui laranja, coentro e gengibre.

Santa Piedade, cerveja estilo Pilsen, que é mais popular.

Neguinha Gelada, que é mais escura estilo Dunkel, e feita com malte achocolatado.

Búfalo do Marajó, com sabor de chocolate.

Ipa na Tulipa, cerveja estilo IPA, um pouco mais amarga e feita com bastante lúpulo.

Pai D’Égua, cerveja com baixo teor alcoólico

Cunani, feita com cereais,

Bacaba Beer, com aroma de caramelo e feita em homenagem à fruta bacaba.

Novo ponto da Trina funciona na zona sul de Macapá. Fotos: Cássia Lima

Growlers: recipientes de vidro para abastecer

O espaço tem à venda o growler, que são as embalagens de vidro e feitas também com outros materiais. A de 2 litros está sendo vendida por R$ 43. A cerveja é vendida por ML com o preço mínimo de R$2,75. A ideia é que a pessoa beba e depois volte para reabastecer.

Growler é o nome do recipiente usado para guardar a cerveja fresca direto da torneira da fábrica ou de bares. É uma espécie de garrafa de vidro. A diferença é que o modelo evita a perda do gás carbônico e conserva a cerveja por alguns dias.

Diversidade de sabores das cervejas artesanais

Marcelo Fiel: ambiente inspirado nas cervejarias europeias

“Cada vez que uma pessoa reabastece, ela evita que 3 garrafas de vidros sejam jogadas no meio ambiente. Essa é nossa proposta, artesanal com sustentabilidade”, destacou o empresário.

O grande objetivo é valorizar as coisas da região, produzindo cervejas 100% artesanais, fabricadas com a água do Rio Amazonas, sem conservantes e pautada no consumo sustentável.

Compartilhamentos