Compartilhamentos

ANDRÉ SILVA

Quarenta atletas amapaenses foram escolhidos para receber, pelo período de um ano, 1 salário mínimo para ajudar na preparação de competições esportivas dentro e fora do Estado. O programa Bolsa Esporte Amapá, que já havia sido lançado, foi efetivado na tarde desta quarta-feira (23), com os primeiros pagamentos. 

Indiraima Cunha, paratleta amapaense da modalidade de lançamento de peso em campo, foi uma das selecionadas para receber a bolsa.

“É um dia muito especial para nós atletas”, comemorou.

Tem o direito de receber o incentivo o atleta que estiver bem colocado dentro da modalidade das 12 federações escolhidas. É preciso estar bem ranqueado e competindo, entre outros requisitos. Os atletas que não permanecerem dentro desses critérios perderão a bolsa de R$ 937. 

Atletas receberam os cartões para poder sacar a bolsa. Foto: Secom

O mesatenista Daniel Carvalho disse que, assim como ele, muitos atletas esperavam ansiosos para alcançar este incentivo. Ele conseguiu se classificar para os jogos universitários depois de vencer em uma seletiva que aconteceu neste fim de semana em Macapá.

“É mais um incentivo além daqueles que já temos, como dos nossos pais e técnicos da federação. Este incentivo financeiro é um ponta pé muito bom para competirmos, que é o que a gente faz de melhor”.

Atrasos nos pagamentos

O programa era pra estar ativo desde o mês de abril, mas devido à crise financeira o Estado precisou adiar os primeiros pagamentos, explicou o secretário de Desporto e Lazer, Júnior Maciel. Por isso, o programa está pagando o retroativo de quatro meses aos atletas.

Paratleta fez o primeiro saque do Bolsa Esporte. Foto: André Silva

“Foi uma missão dada pra gente e vê-la se cumprir me deixa muito feliz. A gente sabe que muita gente boa ficou de fora, mas o governador se comprometeu a aumentar esse número e assim abrir a oportunidade para outros”, comentou Maciel. 

“Nós estamos trabalhando o orçamento de 2018 que vamos encaminhar a Assembleia Legislativa até final de setembro  fazendo uma previsão orçamentária um pouco mais generosa para ampliar a capilaridade desse projeto”, adiantou o governador Waldez Góes.

Compartilhamentos