Compartilhamentos

OLHO DE BOTO

Igor Raiol, de 23 anos, foi preso na madrugada desta sexta-feira (3), na Beira Rio, Centro de Macapá. Segundo a polícia, ele teve um dia de fúria e cometeu uma sequência de crimes na cidade, depois de brigar com a ex-mulher, na noite de quinta-feira (2).

Conforme o capitão Eliabe, do Bope, Raiol estava sob efeito de drogas, e, depois de brigar com a ex, no bairro Infraero, roubou a bolsa de um mototaxista e a motocicleta do seu vizinho, contra o qual ele tentou um disparo com uma arma de fogo que carregava, mas a arma não disparou, disse a polícia.

Homem carregava uma arma de fogo Foto: Olho de Boto

No bairro Pacoval, conta o capitão, Raiol caiu da moto e, na sequência, abordou uma família em um carro.

“Um jovem, filho do dono do carro, conseguiu persuadir o indivíduo, fazendo com que ele liberasse o pai dele, um idoso. O jovem seguiu com ele [Raiol] no carro, como refém”, acrescentou Eliabe.

Na direção do carro, o jovem foi obrigado por Raiol a seguir para o Infraero novamente, conforme o capitão. No bairro, diz, o homem foi informado de que a polícia estava à sua procura. Ele, então, mandou que a vítima feita refém dirigisse até o bairro Perpétuo Socorro, onde mora a sua ex-mulher.

Moto roubada pelo homem Foto: Olho de Boto

“Ele entrou na casa da ex e tentou atirar no sogro, mas, ele novamente foi persuadido pelo jovem, e desistiu do ato. Em seguida, o jovem, percebendo a problema emocional do Raiol, conseguiu fazer com que ele fosse para a Beira Rio, para desabafar sobre a situação, e lá, ele foi preso”, contou o capitão.

De acordo com a polícia, Igor Raiol foi preso por volta de 3h, consumindo cerveja com a vítima, numa mesa de bar na Beira Rio. Uma viatura que passava no local reconheceu os dois.

“Comentamos que esse homem teve um dia de fúria, fazendo alusão ao filme. O indivíduo estava transtornado por causa de drogas, e acabou cometendo essa sequência de crimes”, falou o capitão.  

Igor Raiol foi reconhecido por três vítimas.

Compartilhamentos