Compartilhamentos

Quem mora na Zona Norte de Macapá às vezes deseja se mudar para outra região da capital. O motivo é o trânsito que normalmente já é complicado, mas nos últimos dias o sufoco aumentou por causa de uma obra mal feita da Prefeitura de Macapá. Nesta terça-feira, 29, o motorista sofreu para chegar ao trabalho.

O problema começou na semana passada quando a Caesa realizou reparos no sistema de adutoras da região. Como foi necessário quebrar o asfalto, a prefeitura foi chamada para fazer a recomposição do asfalto que não suportou o peso dos veículos e o desgaste da chuva intensa dos últimos dias. Uma vala foi aberta no lugar da obra, obrigando equipes da prefeitura a retornar ao local.

Primeiro trabalho de reparo do asfalto, pelo pela PMM, não deu certo e precisou ser refeito.

Primeiro trabalho de reparo do asfalto, pelo pela PMM, não deu certo e precisou ser refeito.

A fila de carros começava na frente do prédio da Secretaria de Transportes do Estado (Setrap), a cerca de 3 quilômetros da ponte Sérgio Arruda que foi transformada em mão dupla. Os trabalhos se concentram na rua que funciona como corredor no sentido para o Centro. Apesar do empenho das equipes, a obra é complicada porque é necessário deixar o asfalto se solidificar antes de liberar o trânsito novamente. Por isso não há previsão de quando o trânsito será normalizado. Nesta segunda-feira, pra muita gente que mora na Zona Norte, será um bom negócio almoçar pelo Centro.

Sentido Centro congestionado. Na pista contrária tranquilidade

Sentido Centro congestionado. Na pista contrária tranquilidade

 

Compartilhamentos