Compartilhamentos

CÁSSIA LIMA

A corrida de rua não é só um estilo de vida, mas sim uma paixão. Pelo menos é o que pensam os seis amapaenses que disputaram neste fim de semana em Belém a 1° Corrida de 12 e 24horas da Polícia Militar do Pará. A prova é considerada pela crítica esportiva a mais difícil desta modalidade.

Bruno mesquita no pódio. Fotos: arquivo pessoal

Bruno mesquita no pódio. Fotos: arquivo pessoal

O evento esportivo ocorreu nos dias 4 e 5 março, iniciando no sábado às 10hs e com chegada as 10hs do domingo. Ao todo mais de 100 atletas participaram, mas a maioria na modalidade das 12hs.

Quem trouxe medalha da prova das 24hs foi o atleta Jerfferson Costa (foto destaque) que ficou em 5°lugar geral da prova e 1° lugar na faixa etária de 30/40anos. Ele percorreu nada menos que 116km . quem veio logo atrás representando o Amapá foi Bruno Mesquita, que ficou em 2° lugar na faixa etária 20/30anos com percurso de 70km.

Fernando Gama no podio

Fernando Gama no pódio

“Foi um treino específico para ultramaratona, mas recebi orientação e acompanhamento de profissional na área de educação física específico em corridas longas. Foi um preparo mental, físico e emocional. E uma grande experiência para minha primeira prova desse tipo”, avaliou Jefferson.

O Amapá esteve presente na prova e subiu ao pódio também na modalidade das 12h com o atleta Fernando Gama no 1° lugar geral em um percurso de 98km; Jandira Victor ficou no 3° lugar pela faixa etária de 30/40 anos com percurso de 75km e Rosângela Conceição em 2° lugar na faixa etária 50/60anos com percurso de 55km.

O sexto amapaense que participou da competição foi Laurelino Conceição, que correu na categoria acima 50 anos, nas 12h.

Jandira Vitor recebendo sua medalha

Jandira Vitor recebendo sua medalha

Compartilhamentos